Decida Compartilhar Sua Cura

SÉRIE “VOCÊ DECIDE” | 08/08
DECIDA COMPARTILHAR A SUA CURA

mensagem pregada pelo Pr. Acyr Júnior

Chegamos à última mensagem da série “VOCÊ DECIDE”. Fomos desafiados, nesta série, a buscar a cura através de várias decisões:

1ª Mensagem – DECIDA SER LIVRE
2ª Mensagem – DECIDA SAIR DA NEGAÇÃO
3ª Mensagem – DECIDA ENTREGAR
4ª Mensagem – DECIDA CONFESSAR
5ª Mensagem – DECIDA PERDOAR
6ª Mensagem – DECIDA CRESCER
7ª Mensagem – DECIDA SER TRANSFORMADO

Hoje, seremos desafiados a testemunhar a cura que recebemos do Pai. Os curados são enviados para curar! Os libertos são enviados para libertar! Os transformados são enviados para transformar!

“Seguir Jesus não acaba com a dor; Ele a transforma!” (Rick Warren)

A principal indicação de que estamos curados e vencendo é quando começamos a usar nossas experiências dolorosas para ajudar outras pessoas. A decisão que tomamos para começar a ajudar os outros é a Escolha de Compartilhar.

“Eu escolho render-me a Deus para ser usado para levar as Boas Novas aos outros, tanto pelo meu exemplo como pelas minhas palavras.”

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e Deus de toda a consolação, que nos conforta em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, pela consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus.” (2ª Coríntios 1.3,4)

Quando escolhemos ser curados pela Palavra de Deus, as dores e os sofrimentos desta vida deixam de ser motivos de amargura e passam a ser motivos de exaltação a Deus e testemunho de cura para a vida de outros.

Ao decidirmos compartilhar nossa cura…

1. Rendemos toda exaltação por quem DEUS É.

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e Deus de toda a consolação.” (v.3)

A palavra “bendito” é uma forma judaica de louvor a Deus, reconhecendo-O como a fonte de todas as bênçãos. Nesse texto, Paulo rende toda exaltação a Deus por quem Ele é.

Ao decidirmos compartilhar nossa cura…

2. Rendemos toda exaltação pelo que DEUS FAZ por nós.

“É ele que nos conforta em toda a nossa tribulação…” (v.4)

Deus não é uma fonte passiva de consolo, mas o agente ativo de toda consolação. É Deus quem nos conforta e nos anima em toda a nossa tribulação. É Deus quem nos assiste em nossas fraquezas. É Ele quem nos segura pela mão quando enfrentamos dias de dor. Pelo sofrimento, Deus leva-nos para o deserto, mas o deserto não nos destrói. O deserto é a escola onde Deus nos treina. No deserto aprendemos a depender mais de Deus. Mesmo em meio a sua dor encontre motivos para exaltar a Deus por aquilo que Ele está fazendo em sua vida.

Ao decidirmos compartilhar nossa cura…

3. Rendemos toda exaltação pelo que Deus faz POR MEIO de nós.

“… para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, pela consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus.” (v.4)

O consolo de Deus é realizado em nós, mas não para nós mesmos. Não somos um reservatório, mas um canal de consolação divina. Somos consolados para sermos consoladores. Deus nos abençoa para sermos abençoadores. Quem escolheu a cura que Deus oferece precisa ser um canal por onde outras pessoas serão curadas. Quem escolheu ser curado pelo Senhor, precisa compartilhar essa verdade com muitas outras pessoas que também estão sofrendo à sua volta.

Conclusão:

Entenda que Deus usa o seu sofrimento para benefício da sua própria vida, para a realização do Seu propósito e para benefício de outras pessoas Por isso, não fique calado diante do agir de Deus sobre a sua vida. Escolha compartilhar tudo o que Deus ministrou sobre você. Lembre-se do que disse o apóstolo Paulo:

“Todo louvor ao Deus e Pai de nosso Senhor, Jesus, o Messias! Pai de toda misericórdia! Deus de toda cura e restauração! Ele está ao nosso lado quando passamos momentos difíceis e, antes que percebamos, ele nos leva para o lado de alguém que também está sofrendo, para que possamos ajudar aquela pessoa assim como Ele nos ajudou.” (2ª Coríntios 1.3-4 AM)

Deus quer usar sua vida, sua história e suas dores para trazer cura para alguém. A esperança, que ajuda, vem de alguém que esteve lá, alguém que experimentou a dor e recebeu a cura.

A vida machuca, mas Deus cura! Por isso, o lugar onde você foi ferido será o lugar onde Deus mais vai usá-lo para curar outras pessoas feridas. Uma ferida fechada é um ministério aberto! Uma das melhores formas de sermos usados por Deus, agora que você foi curado de muitas situações em sua vida, é mostrando as suas cicatrizes. Não há mais dor, a ferida foi curada. Agora é hora de compartilhar a história de como Deus tratou e curou a sua ferida.

Rolar para o topo