40 Dias de Oração – A Oração de Submissão

40 DIAS DE ORAÇÃO | 04/06
A ORAÇÃO DE SUBMISSÃO
mensagem pregada pelos pastores Marcelo Coelho e Acyr Júnior
O maior exemplo de submissão nos deu Jesus na Oração do Getsêmani:
“Então Jesus foi com seus discípulos para um lugar chamado Getsêmani e disse-lhes: Sentem-se aqui enquanto vou ali orar. Levando consigo Pedro e os dois filhos de Zebedeu, começou a entristecer-se e a angustiar-se. Disse-lhes então: A minha alma está profundamente triste, numa tristeza mortal. Fiquem aqui e vigiem comigo. Indo um pouco mais adiante, prostrou-se com o rosto em terra e orou: Meu Pai, se for possível, afasta de mim este cálice; contudo, não seja como eu quero, mas sim como tu queres. Então, voltou aos seus discípulos e os encontrou dormindo. Vocês não puderam vigiar comigo nem por uma hora?, perguntou ele a Pedro. Vigiem e orem para que não caiam em tentação. O espírito está pronto, mas a carne é fraca. E retirou-se outra vez para orar: Meu Pai, se não for possível afastar de mim este cálice sem que eu o beba, faça-se a tua vontade. Quando voltou, de novo os encontrou dormindo, porque seus olhos estavam pesados. Então os deixou novamente e orou pela terceira vez, dizendo as mesmas palavras.” (Mateus 26.36-44)
O que podemos aprender a partir da oração de submissão feita por Jesus no Getsêmani?
A oração de submissão…
1. Evidencia a disposição em OBEDECER
“Indo um pouco mais adiante, prostrou-se com o rosto em terra e orou: Meu Pai, se for possível, afasta de mim este cálice; contudo, não seja como eu quero, mas sim como tu queres.” (Mateus 26.39)
Jesus foi entregue, mas também entregou-se a si mesmo. A Bíblia diz:
“A vocês, graça e paz da parte de Deus nosso Pai e do Senhor Jesus Cristo, que se entregou a si mesmo por nossos pecados a fim de nos resgatar desta presente era perversa, segundo a vontade de nosso Deus e Pai.” (Gálatas 1.3,4)

“Obedecer é tão nobre quanto comandar.”

A oração de submissão…
2. Gera uma INTENSIDADE contínua
“Então os deixou novamente e orou pela terceira vez, dizendo as mesmas palavras.” (Mateus 26.44)
O texto bíblico é claro em afirmar que Jesus fez a mesma oração por três vezes. Isto significa que a oração de submissão gera uma intensidade contínua, perseverança, obstinação, persistência e constância.

“Quanto mais submissão, mais intensidade contínua na oração.”

“Desistimos de orar porque desistimos de ser submissos a Deus.”

Além de toda angústia que tomava conta do coração de Jesus, o evangelista Lucas esclarece que a persistência de Jesus era dupla: ele orou não apenas três vezes, mas forma intensa:
“Estando angustiado, ele orou ainda mais intensamente…” (Lucas 22.44)
A oração de submissão…
3. Revela as nossas DORES mais PROFUNDAS
O mesmo episódio registrado no evangelho de Lucas revela a intensidade das dores mais profundas vividas por Jesus no Jardim do Getsêmani:
“Pai, se queres, afasta de mim este cálice; contudo, não seja feita a minha vontade, mas a tua. Apareceu-lhe então um anjo do céu que o fortalecia. Estando angustiado, ele orou ainda mais intensamente; e o seu suor era como gotas de sangue que caíam no chão.” (Lucas 22.42-44)

“A submissão a Deus revela quem somos de verdade.”

Quando somos submissos a Deus, nosso caráter vem à tona. Mostramos quem somos de verdade com nossas imperfeições, nossos defeitos, nossos pecados mais trágicos e nossas dores mais profundas. A submissão a Deus desnuda a nossa alma.
A oração de submissão…
4. Produz INTIMIDADE com o Pai
Há uma expressão no evangelho de Marcos que mostra o quanto a submissão de Jesus produzia uma intimidade com o Pai ainda maior. Preste atenção neste versículo:
“E dizia: Aba, Pai, tudo te é possível. Afasta de mim este cálice; contudo, não seja o que eu quero, mas sim o que tu queres.” (Marcos 14.36)
O termo aramaico “Aba Pai” significa “meu Pai” ou “Papai”. Ele denota intimidade, confiança, proximidade. Jesus não está orando a uma divindade distante, indiferente, mas ao seu próprio Pai. Jesus fala a Deus como uma criança fala a seu pai, com confiança e com firmeza.

“Se podemos chamar Deus de Pai, então, tudo se torna suportável.”

Conclusão:

“A submissão prepara você para cumprir os propósitos de Deus para sua vida.”

A oração de submissão…
1. Evidencia a disposição em OBEDECER
2. Gera uma INTENSIDADE contínua
3. Revela as nossas DORES mais PROFUNDAS
4. Produz INTIMIDADE com o Pai

 

Rolar para o topo