Ana – Uma Fé que Gera o Impossível

SÉRIE “FÉ PARA RECOMEÇAR” | 07/08
ANA – UMA FÉ QUE GERA O IMPOSSÍVEL

mensagem pregada pelo Pr. Acyr Júnior

“No dia em que Elcana oferecia sacrifícios, dava porções à sua mulher Penina e a todos os filhos e filhas dela. Mas a Ana dava uma porção dupla, porque a amava, mesmo que o Senhor a houvesse deixado estéril.” (1º Samuel 1.4-5)

“… Ana se levantou e, com a alma amargurada, chorou muito e orou ao Senhor. E fez um voto, dizendo: Ó Senhor dos Exércitos, se tu deres atenção à humilhação de tua serva, te lembrares de mim e não te esqueceres de tua serva, mas lhe deres um filho, então eu o dedicarei ao Senhor por todos os dias de sua vida, e o seu cabelo e a sua barba nunca serão cortados.” (1º Samuel 1.9-11)

“Assim Ana engravidou e, no devido tempo, deu à luz um filho. E deu-lhe o nome de Samuel, dizendo: Eu o pedi ao Senhor.” (1º Samuel 1.20)

“O Senhor foi bondoso com Ana; ela engravidou e deu à luz três filhos e duas filhas. Enquanto isso, o menino Samuel crescia na presença do Senhor.” (1º Samuel 2.21)

O que, aos seus olhos, parece ser impossível acontecer? Talvez você esteja enfrentando uma situação e dizendo para si mesmo que não há mais solução, não há mais esperança. Talvez, para você, essa situação seja impossível de ser revertida. Eu quero dizer para você que Deus é especialista em transformar impossibilidades em possibilidades. Assim como Ana, Deus o chama a desenvolver uma fé que gera o impossível, uma fé onde o sobrenatural se torna natural. E como isso é possível?

Uma fé que gera o impossível…

1. PERSEVERA em oração.

“Certa vez quando terminou de comer e beber em Siló, estando o sacerdote Eli sentado numa cadeira junto à entrada do santuário do Senhor, Ana se levantou e, com a alma amargurada, chorou muito e orou ao Senhor. […] Enquanto ela continuava a orar diante do Senhor, Eli observava sua boca. Como Ana orava silenciosamente, seus lábios se mexiam mas não se ouvia sua voz…” (1º Samuel 1.9-13)

Qual foi o resultado da oração perseverante de Ana?

“Por este menino orava eu; e o Senhor atendeu a minha petição, que eu lhe tinha feito.” (1º Samuel 1.27)

“Gerar o impossível sem oração é algo completamente incompatível.”

Uma fé que gera o impossível…

2. É FIEL nos VOTOS que faz a Deus.

“E fez um voto, dizendo: Ó Senhor dos Exércitos, se tu deres atenção à humilhação de tua serva, te lembrares de mim e não te esqueceres de tua serva, mas lhe deres um filho, então eu o dedicarei ao Senhor por todos os dias de sua vida, e o seu cabelo e a sua barba nunca serão cortados.” (1º Samuel 1.11)

“Assim Ana engravidou e, no devido tempo, deu à luz um filho. E deu-lhe o nome de Samuel, dizendo: Eu o pedi ao Senhor. Quando no ano seguinte Elcana subiu com toda a família para oferecer o sacrifício anual ao Senhor e para cumprir o seu voto. […] Era este menino que eu pedia, e o Senhor concedeu-me o pedido. Por isso, agora, eu o dedico ao Senhor. Por toda a sua vida será dedicado ao Senhor. E ali adorou o Senhor.” (1º Samuel 1.20-21,27-28)

A bíblia diz: “Quando você fizer um voto, cumpra-o sem demora, pois os tolos desagradam a Deus; cumpra o seu voto. É melhor não fazer voto do que fazer e não cumprir.” (Eclesiastes 5.4,5)

Uma fé que gera o impossível…

3. Toma posse da PALAVRA PROFÉTICA liberada.

“Eli respondeu: Vá em paz, e que o Deus de Israel lhe conceda o que você pediu.” (1º Samuel 1.17)

“Ana respondeu: Não se trata disso, meu senhor. Sou uma mulher muito angustiada. Não bebi vinho nem bebida fermentada; eu estava derramando minha alma diante do Senhor. Não julgues tua serva uma mulher vadia; estou orando aqui até agora por causa de minha grande angústia e tristeza.” (1º Samuel 1.15,16)

Ana tomou posse da palavra profética liberada pelo sacerdote Eli: “Ela disse: Espero que sejas benevolente para com tua serva! Então ela seguiu seu caminho, comeu, e seu rosto já não estava mais abatido. Na manhã seguinte, eles se levantaram e adoraram ao Senhor; então voltaram para casa, em Ramá. Elcana teve relações com sua mulher Ana, e o Senhor se lembrou dela.” (1º Samuel 1.18,19)

“Nunca duvide quando Deus liberar uma palavra profética para alimentar o seu milagre!”

Uma fé que gera o impossível…

4. Abriga a CERTEZA do MILAGRE em seu coração.

“Ela disse: Espero que sejas benevolente para com tua serva! Então ela seguiu seu caminho, comeu, e seu rosto já não estava mais abatido. Na manhã seguinte, eles se levantaram e adoraram ao Senhor; então voltaram para casa, em Ramá. Elcana teve relações com sua mulher Ana, e o Senhor se lembrou dela. Assim Ana engravidou e, no devido tempo, deu à luz um filho. E deu-lhe o nome de Samuel, dizendo: Eu o pedi ao Senhor.” (1º Samuel 1.18-20)

“Deus se lembra daqueles que abrigam em seu coração a certeza do milagre.”

Ana tinha plena certeza de que aquilo que antes era impossibilidade já era uma realidade. A Bíblia diz que a fé é exatamente isso. O escritor da carta aos Hebreus definiu fé da seguinte maneira: “Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos. […] Sem fé é impossível agradar a Deus, pois quem dele se aproxima precisa crer que ele existe e que recompensa aqueles que o buscam.” (Hebreus 11.1,6)

Conclusão:

A fé vem pelo ouvir, e o ouvir a Palavra. Você tem ouvido, domingo após domingo, a Palavra de Deus e o que tem feito com essa Palavra? É fácil dizer que a mensagem foi ótima, que o culto foi uma bênção e, mesmo assim, não acontecer nada com a sua vida. Por quê?

“Deus não aceita nada que não exija fé.”

Todos nós podemos desenvolver uma fé que gera o impossível. Mas isso não é da noite para o dia. Assim como fora na esterilidade de Ana, Deus nos envolve em processos que provam se temos fé ou se estamos brincando de acreditar que Deus existe.

Uma fé que gera o impossível…
1. PERSEVERA em oração.
2. É FIEL nos VOTOS que faz a Deus.
3. Toma posse da PALAVRA PROFÉTICA liberada.
4. Abriga a CERTEZA do MILAGRE em seu coração.

Rolar para o topo