Decisões que Geram Crescimento

DECISÕES QUE GERAM CRESCIMENTO
mensagem pregada pelo Pr. Acyr Júnior
“Chega de ser criança. Não dá mais para tolerar gente ingênua, bebezinhos que são alvo fáceis dos impostores. Deus quer que cresçamos, conheçamos toda a verdade e a proclamemos em amor – à semelhança de Cristo, em tudo. Estamos seguindo Cristo, que é a base de tudo que fazemos. Ele nos mantém juntos. Sua respiração e seu sangue fluem através de nós, nutrindo-nos para que possamos crescer com saúde em Deus, fortalecidos em amor.” (Efésios 4.14-16 AM)
A vida é feita de decisões. Todos os dias, somos obrigados a tomar, em média, de 400 a 1000 pequenas decisões: o que vou vestir? O que vou comprar? Com quem vou me encontrar? O que vou comer? Até quando você resolver não decidir, você já decidiu. Alguém disse o seguinte:

“A indecisão é uma decisão tomada para não decidir.”

No texto acima, o apóstolo Paulo faz uma exortação aos crentes de Éfeso, levando-os a entender que o tempo de viver como criança havia acabado. Eles precisavam tomar a decisão de crescerem, de avançarem, de chegarem à maturidade. Tomar a decisão de crescer vai tirá-lo de sua zona de conforto. Os riscos, as frustrações, as derrotas fazem parte deste processo. Não é possível amadurecer, não é possível crescer sem enfrentar com coragem os desafios de uma tomada de decisão. É importante saber que toda decisão deve ser acompanhada de atitudes. As suas decisões precisam ser transformadas em ações. Você decide e já começa a trabalhar em prol da decisão que você tomou.

“As pessoas são o reflexo das suas decisões e atitudes.”

Decisões e atitudes precisam andar de mãos dadas. De nada adianta tomar uma decisão e não colocá-la em prática. O resultado da falta de atitude diante de uma decisão é NADA. Nada muda, tudo continua como está! Ilustração: você toma uma decisão de começar uma dieta na segunda e quando chega a segunda você não começa a dieta; você toma a decisão de acordar cedo para fazer exercícios físicos mas continua dormindo até mais tarde; você toma a decisão de pedir perdão a alguém mas depois de pensar muito resolve não fazê-lo; você toma a decisão de estudar durante as madrugadas para passar em um concurso público mas prefere continuar nas redes sociais ou assistindo filmes neste período. Percebam que toda decisão deve ser acompanhada de ações. Nada muda significativamente na vida de alguém se que decisões sejam tomadas e atitudes sejam executadas. O famoso escritor John Maxwell, escreveu o seguinte em um dos seus livros:

“O ajuste de nossas decisões e atitudes é um projeto para a vida toda.”

É por isso que a Bíblia, a Palavra de Deus que tem resposta para todos os nossos questionamentos, apresenta muitas ações que devem ser executadas quando alguém toma a decisão de crescer. Quero crer que, quando eu falar de alguma decisão, ela sempre estará acompanhada de atitudes. Decisões e atitudes precisam trabalhar em conjunto quando o crescimento é o alvo da sua vida! Sendo assim, quero convidá-lo a mergulhar nos ensinamentos da Palavra de Deus. Nela, encontramos leis que devem reger as nossas decisões a fim de que o crescimento se torne uma realidade em nossas vidas. Se obedecermos ao que Deus diz através da sua Palavra, nossa vida será transformada e alcançaremos maturidade em todas as áreas do nosso viver.
1ª Decisão que gera crescimento – Aproveite as OPORTUNIDADES
“Vosso Pai que está nos céus […] faz que o seu sol se levante sobre maus e bons, e a chuva desça sobre justos e injustos.” (Mateus 5.44-45)
Esta decisão está embutida na lei da oportunidade que diz que todas as pessoas terão, ao longo da sua trajetória, oportunidades para melhorar de vida. Esta lei não promete que as oportunidades serão iguais, mas que todos terão a sua cota de oportunidades. A Bíblia diz:
“Tudo sucede igualmente a todos: o mesmo sucede ao justo e ao perverso; ao bom, ao puro e ao impuro; tanto ao que sacrifica como ao que não sacrifica; ao bom como ao pecador; ao que jura como ao que teme o juramento.” (Eclesiastes 9.2)
No jogo da vida, emocionante, misterioso e sempre surpreendente, tudo acontecerá a todos mais cedo ou mais tarde. Nem sempre é o mais forte que vence, nem o mais inteligente que enriquece. Veja o que disse o rei Salomão:
“Voltei-me, e vi debaixo do sol que não é dos ligeiros a carreira, nem dos fortes a batalha, nem tampouco dos sábios o pão, nem tampouco dos prudentes as riquezas, nem tampouco dos entendidos o favor, mas eu o tempo e a oportunidade ocorrem a todos.” (Eclesiastes 9.11)
Não estamos avaliando aqui se isso é justo ou não, só precisamos entender suas implicações práticas: quem vencer a corrida, ganhará a medalha; quem vencer a batalha ficará com a riqueza. Assim, o crescimento e o sucesso serão de quem souber, quando chegar a sua hora e sua chance, aproveitar bem as oportunidades. Jesus também falou sobre essa lei espiritual:
“Portanto, quem ouve estas minhas palavras e as pratica é como um homem prudente que construiu a sua casa sobre a rocha. Caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram contra aquela casa, e ela não caiu, porque tinha seus alicerces na rocha. Mas quem ouve estas minhas palavras e não as pratica é como um insensato que construiu a sua casa sobre a areia. Caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram contra aquela casa, e ela caiu. E foi grande a sua queda.” (Mateus 7.24-27)
Note que a chuva, os rios e os ventos vêm para todos, mas alguns possuem bases e estruturas sólidas, outros não. Alguns suaram a camisa para furar a pedra e fazer fundações seguras, outros fizeram a opção mais fácil e barata de construir na areia. Uns investiram na solidez e obtiveram a segurança. No entanto, a lei da oportunidade funcionou à perfeição, pois todos vieram a chance de construir e a chuva também veio para todos. As crises, as calamidades, as mudanças de cenário atingem a todos. Entretanto, alguns aproveitam as oportunidades e outros não. Aqueles que aproveitam bem as oportunidades crescem, amadurecem e tornam-se bem sucedidos. A decisão que gera crescimento está alinhada com o aproveitar bem as oportunidades, ainda que as circunstâncias sejam desfavoráveis, ainda que os recursos sejam escassos, ainda que as forças estejam esgotadas, ainda que tudo conspire contra essa decisão. Aproveite bem cada oportunidade que Deus lhe dá para crescer, amadurecer e vencer! Um famoso escritor escreveu:

“Dois homens olham pela mesma janela. Um vê a lama. O outro vê as estrelas.” (Frederich Langbridge)

2ª Decisão que gera crescimento – Busque a SABEDORIA
“Você é abençoando quando se encontra com a sabedoria, quando faz amizade com o entendimento. Ela vale mais que dinheiro no banco; sua amizade é melhor que um salário bem gordo. Seu valor excede todas as joias mais caras: nada que você possa desejar se compara a ela. Com uma das mãos, ela garante vida longa; com a outra, concede reconhecimento e honra. Os caminhos por onde a sabedoria leva são belos; e traz uma paz maravilhosamente completa. Ela é a verdadeira Árvora da Vida para os que a abraçam. Segure-a bem firme e seja abençoado!” (Provérbios 3.13-18 AM)
Esta decisão pertence à lei da sabedoria. A sabedoria é a base para se chegar ao sucesso, logo, é a base para o crescimento. A sabedoria é a inteligência para decidir o que se quer e como chegar lá. Com ela podemos escolher as sementes a lançar e estabelecer as causas certas para ter os efeitos desejados. A sabedoria é a capacidade de se adaptar em busca do crescimento, do sucesso e da felicidade. A Bíblia diz:
“É preciso ter sabedoria para construir uma casa e entendimento para edificá-la sobre fundamento sólido; é preciso ter conhecimento para decorar os quartos com a melhor mobília e bela tapeçaria. A sabedoria faz a força do homem; e o conhecimento lhe dá poder. A estratégia é a chave para a guerra, assim como bons conselhos são a chave para a vitória.” (Provérbios 24.3-6 AM)
A sabedoria que gera crescimento desenvolve-se na capacidade de buscar o aprendizado, ou seja, a disposição e humildade para adquirir conhecimento, o que ocorrerá por meio do estudo, da leitura – principalmente da Bíblia, da experiência e orientação de um mentor. A Bíblia recomenda que sejamos prudentes, que busquemos conselheiros. Daí a importância do aperfeiçoamento contínuo para que, através dos conselheiros, consigamos nos conduzir bem nessa guerra. Sobre a sabedoria, preciso lhe fazer algumas perguntas: você tem pedido conselhos a alguém? A quem você tem pedido conselhos? Qual foi o último curso que você fez, o último seminário que você participou, o último livrou que leu, a última palestra que assistiu, o último sermão que você ouviu?
Na busca pela sabedoria, é importante você definir que valores seguir. Eu garanto a você que os valores que promovem crescimento e sucesso são aqueles que estão contidos na Palavra de Deus. Nela você aprenderá o que fazer e como fazer. O resultado de buscar a sabedoria na Palavra de Deus é receber, experimentar e repartir as bênçãos de Deus. Deus deu oportunidade a Salomão de fazer a escolha que quisesse. Ele escolheu a sabedoria e o resultado foi o seguinte:
“Deus respondeu a Salomão: já que é isso que você quer e já que não pediu riqueza, bens, fama ou a destruição dos inimigos, nem mesmo pediu longevidade, mas apenas sabedoria e conhecimento para governar bem o meu povo, sobre o qual eu o constituí rei; então, receberá o que pediu: sabedoria e conhecimento. Mas também acrescentarei riqueza, fama e bens, mas que qualquer outro rei antes e depois de você já teve.” (2º Crônicas 111-12 AM)
A decisão que gera crescimento passa pela busca da sabedoria. Não existe crescimento sem conhecimento. Não existe amadurecimento sem sabedoria. Busque, a partir de hoje, a sabedoria do alto, aplique-o à sua vida e você irá crescer de uma maneira extraordinária e exponencial!
3ª Decisão que gera crescimento – Estabeleça uma VISÃO
“Então o Senhor me respondeu, e disse: escreve a visão e torna bem legível sobre tábuas, para que a possa ler quem passa correndo.” (Habacuque 2.2)
Esta decisão está ligada à lei da visão que diz que você precisa ter clareza sobre o que deseja para sua vida. Qual a sua missão? Qual a sua razão de ser? Onde você pretende chegar? Como você quer ser conhecido? A escolha é sua. É indispensável que você defina esses conceitos para poder seguir em frente e continuar crescendo. Alguns gostam de chamar a visão de sonho. Você pode chamar como preferir: visão, sonho, meta, objetivo, propósito. O importante é você saber o que quer. Sem objetivos não existe progresso; sem progresso não existe crescimento. Quando você define aquilo que almeja, você pode estabelecer prioridades e equacionar esforços. O requisito básico, o ingrediente essencial para desenvolver e estabelecer a sua visão é a imaginação. É interessante que a Bíblia também fala sobre esse ingrediente essencial chamado imaginação. Salomão escreveu:
“Porque, como imaginou no seu coração, assim ele é.” (Provérbios 23.7)
Enquanto você não descobrir o que você quer, enquanto não descobrir a sua missão e estabelecer a sua visão, você não vai crescer. Não se esqueça que, para estabelecer a sua visão, você vai precisar de doses de sonhos, coragem e ousadia. Estabeleça a sua visão e cresça!

“Imagine grandes feitos, e você será grande; imagine pequenos feitos, e você será pequeno. Portanto, pense grande!” (William Douglas)

4ª Decisão que gera crescimento – Não perca o FOCO
“Não sei sobre vocês, mas eu estou correndo a toda velocidade ruma à linha de chegada. Estou dando tudo de mim. Nada de pegar leve. Estou alerta e preparado. Não vou ser apanhado dormindo no ponto.” (1ª Coríntios 9.26 AM)
A visão é uma fotografia do futuro, mas para chegarmos até lá é preciso focar no objetivo. Por isso, a Bíblia nos apresenta a lei do foco. Aquilo que você foca, aquilo a que dá atenção, se expande. Preste atenção nas palavras ditas por Jesus:
“Porque onde estiver o vosso tesouro, ali estará também o vosso coração.” (Lucas 12.34)
Jesus está dizendo que onde a pessoa depositar o que é mais importante para ela, ali estará o seu coração. Sêneca, um dos mais célebres escritores e intelectuais do Império Romano afirmou:

“Se um homem não sabe a que porto se dirigir, nenhum vento lhe será favorável.”

Cabe a você focar uma meta. Um dos modos de trabalhar o seu foco é estabelecer planos diários, semanais e mensais, além de outros semestrais ou anuais Marque onde você quer estar, em termos de crescimento, daqui a um ano, cinco, dez ou vinte anos. Metas registradas são mais fáceis de alcançar do que metas guardadas apenas na memória! Focar é sacrificar. O crescimento exige uma boa dose de sacrifício. A Bíblia fala de um negociante que procurava pérolas e que, ao encontrar uma de grande valor, foi, vendeu tudo o que tinha e a comprou. Esse homem achou algo tão perfeito que fez o sacrifício necessário para realizar seu sonho. Ninguém consegue se concentrar em algo se ao mesmo tempo não tiver coragem de sacrificar outras coisas. Se você deseja crescer, não perca o foco! Ainda que lhe custe caro, ainda que você tenha necessidade de sacrificar algo importante, não perca o foco, você vai chegar lá! Os sabores amargos dos sacrifícios de agora tornar-se-ão os doces sabores da sua vitória, do seu crescimento!
5ª Decisão que gera crescimento – Persista até o FIM
“Se o machado está cego e sua lâmina não foi afiada, é preciso golpear com mais força; agir com sabedoria assegura o sucesso.” (Eclesiastes 10.10)
A persistência é outra decisão que precisa ser tomada por aqueles que desejam crescer, pois ela revela atitude e disposição vencedoras. Os romanos tinham um pensamento: “se não houver vento, reme”. O verso que lemos segue essa linha: quando o machado está cego, você o afia ou bate com mais força. De um jeito ou de outro, a pessoa vai cortar a árvore. Se seu machado, na caminhado rumo ao crescimento, não está funcionando, você tem dois caminhos. O primeiro é bater com mais força. O segundo é afiar o machado. Se tiver escolha, prefira afiar o machado, mas, se não tiver as condições nem os instrumentos adequados, o melhor a fazer é agir com maior disposição e energia. Bata mais forte. Persista até o fim. O maior interessado em que você desista de crescer é o diabo. Ele vai fazer de tudo para você parar e desistir. Mas a Palavra de Deus ao seu coração é a seguinte: não desista, persista até o fim. Se o machado estiver afiado, bom; mas se não tiver, bata com mais força, mas não pare! Só vence quem não esmorece. Só vence quem persevera e não desiste.

“Quando caminho é difícil, a perseverança vale mais que a inteligência.” (William Douglas)

Uma frase do filme TROPA DE ELITE – que mostra o treinamento para ingresso no BOPE – caiu no gosto do público: “não está aguentando, pede para sair”. A caminhada rumo ao crescimento é parecida: é difícil, e até podemos pedir para sair. Mas são os que ficam e vencem que conseguem gerar crescimento e realizar seus sonhos. Não basta bater na porta certa. É preciso bater até abrir. Isso é perseverança. Se não dá para afiar o machado, então bata mais forte até que madeira seja cortada. Lembro-me da frase de um famoso escritor:

“O pessimista queixa-se do vento, o otimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.” (William Geord Ward)

Conclusão:
Você quer crescer? Então entenda que você vai precisar tomar decisões e, junto dessas decisões, você vai precisar tomar atitudes, ações. Agir envolve riscos, mas os desafios precisam ser enfrentados, porque o maior fracasso da vida é não fazer nada. Quem fica de braços cruzados não constrói absolutamente nada, não cresce, não amadurece, não se transforma em nada. Pode até evitar o sofrimento e a dor, mas não aprende, não sente, não muda, não cresce, não vive. Deus, hoje, o convida a tomar uma decisão radical que transformará a sua vida e o fará crescer. Aonde você quer chegar? Qual é o seu destino?

“É no momento de decisão que o seu destino é traçado. As suas decisões, e não as suas condições, determinam o seu destino.”

Hoje você precisa tomar decisões que vão gerar crescimento pessoal, profissional, relacional, emocional, físico e, principalmente, espiritual. O maior interessado em seu crescimento é Deus. Por isso que a sua Palavra traz a solução para o seu crescimento através das seguintes decisões:

  • Aproveite as OPORTUNIDADES
  • Busque a SABEDORIA
  • Estabeleça uma VISÃO
  • Não perca o FOCO
  • Persista até o FIM

Em todas essas decisões, Deus se faz presente na pessoa de Jesus. Aproveite a oportunidade para entregar a vida para Jesus, busque por Jesus que é a verdadeira sabedoria, estabeleça uma nova visão para sua vida a partir de Jesus, não perca Jesus de vista – Ele precisa ser o seu foco, persista em seguir Jesus até o fim!
O principal lugar do crescimento é Jesus!
O lugar de descanso, de refrigério e de verdade é Jesus!
O lugar de vitória em meio à guerra é Jesus!
O lugar onde a fé é fortalecida é Jesus!
O lugar onde a paz é quem governa é Jesus!
Esse lugar é no Senhor!

 

Rolar para o topo