Famílias Amigas de Deus Resolvem Conflitos

FAMÍLIAS AMIGAS DE DEUS | 02/08
FAMÍLIAS AMIGAS DE DEUS RESOLVEM CONFLITOS
mensagem pregada pela Pra. Tatiana Ramos
“Saiu, pois, Abrão do Egito e foi para o Neguebe, com sua mulher e com tudo o que possuía, e Ló foi com ele. Abrão tinha enriquecido muito, tanto em gado como em prata e ouro. Ele partiu do Neguebe em direção a Betel, indo de um lugar a outro, até que chegou ao lugar entre Betel e Ai onde já havia armado acampamento anteriormente e onde, pela primeira vez, tinha construído um altar. Ali Abrão invocou o nome do Senhor. Ló, que acompanhava Abrão, também possuía rebanhos e tendas. E não podiam morar os dois juntos na mesma região, porque possuíam tantos bens que a terra não podia sustentá-los. Por isso surgiu uma desavença entre os pastores dos rebanhos de Abrão e os de Ló. Nessa época os cananeus e os ferezeus habitavam aquela terra. Então Abrão disse a Ló: Não haja desavença entre mim e você, ou entre os seus pastores e os meus; afinal somos irmãos! Aí está a terra inteira diante de você. Vamos nos separar! Se você for para a esquerda, irei para a direita; se for para a direita, irei para a esquerda. Olhou então Ló e viu todo o vale do Jordão, todo ele bem irrigado, até Zoar; era como o jardim do Senhor, como a terra do Egito. Isto se deu antes do Senhor destruir Sodoma e Gomorra. Ló escolheu todo o vale do Jordão e partiu em direção ao Leste. Assim os dois se separaram: Abrão ficou na terra de Canaã, mas Ló mudou seu acampamento para um lugar próximo a Sodoma, entre as cidades do vale. Ora, os homens de Sodoma eram extremamente perversos e pecadores contra o Senhor.” (Gênesis 13.1-13)
Sobre “conflitos”, é muito importante saber, pelo menos, duas verdades:
• Os conflitos se INSTALAM em áreas de nossos relacionamentos
“Saiu, pois, Abrão do Egito e foi para o Neguebe, com sua mulher e com tudo o que possuía, e Ló foi com ele. Abrão tinha enriquecido muito, tanto em gado como em prata e ouro. Ele partiu do Neguebe em direção a Betel, indo de um lugar a outro, até que chegou ao lugar entre Betel e Ai onde já havia armado acampamento anteriormente e onde, pela primeira vez, tinha construído um altar. Ali Abrão invocou o nome do Senhor. Ló, que acompanhava Abrão, também possuía rebanhos e tendas.” (Gênesis 13.1-5)
• Os conflitos fazem parte de TODO e QUALQUER relacionamento
“Saiu, pois, Abrão do Egito e foi para o Neguebe, com sua mulher e com tudo o que possuía, e Ló foi com ele. […] Por isso surgiu uma desavença entre os pastores dos rebanhos de Abrão e os de Ló. Nessa época os cananeus e os ferezeus habitavam aquela terra.” (Gênesis 13.1,7)
Diante da realidade de que os conflitos se instalam em diversas áreas dos nossos relacionamentos e de que eles fazem parte de todo e qualquer relacionamento, de acordo com a experiência de Abração, como uma família amiga de Deus pode aprender a resolver os seus conflitos?
Uma família amiga de Deus resolve os seus conflitos
1. Fazendo uso do DIÁLOGO
“Então Abrão disse a Ló…” (Gênesis 13.8)
Uma família amiga de Deus resolve os seus conflitos
2. Colocando o RELACIONAMENTO acima dos conflitos
“Então Abrão disse a Ló: Não haja desavença entre mim e você, ou entre os seus pastores e os meus; afinal somos irmãos!” (Gênesis 13.8)

“Quando deixamos que coisas periféricas tomem o primeiro lugar estamos decretando a morte do casamento, da relação familiar.”

Uma família amiga de Deus resolve os seus conflitos
3. Tendo sabedoria para CEDER
“Aí está a terra inteira diante de você. Vamos nos separar! Se você for para a esquerda, irei para a direita; se for para a direita, irei para a esquerda.” (Gênesis 13.9)
Conclusão:
O final da história todos nós conhecemos. Deus honrou Abraão porque todos os pontos positivos, todas as atitudes recomendáveis na resolução de um conflito surgiram dele. Então, quando você tiver um conflito com seu cônjuge, pais, filhos, nora, cunhado, sogra, genro, sogro, procure resolvê-los como alguém que faz parte de uma família amiga de Deus.
Uma família amiga de Deus resolve os seus conflitos
1. Fazendo uso do DIÁLOGO
2. Colocando o RELACIONAMENTO acima dos conflitos
3. Tendo sabedoria para CEDER

 

Rolar para o topo