Feitos para Atingir a Maturidade (28/08/2014 – quinta)

Uma Vida com Propósito
Você foi criado para se tornar semelhante a Cristo
FEITOS PARA ATINGIR A MATURIDADE
“Tudo na terra tem seu tempo próprio, seu momento apropriado.” (Eclesiastes 3.1, CEV)
“Tenho certeza de que Deus, que começou a boa obra em vocês, continuará ajudando-os a crescer em sua graça até quando sua tarefa em vocês estiver finalmente terminada naquele dia em que Jesus Cristo voltar.” (Filipenses 1.6, BV)
Não existe atalhos para chegar à maturidade. O fato de entregarmos as nossas vidas a Cristo, não significa que vamos mudar do dia para a noite. Embora nos pareça estranho, precisamos aceitar que o desenvolvimento do caráter cristão não pode ser apressado. O crescimento espiritual, assim como o físico, exige tempo.
Um exemplo: Quando tentamos amadurecer rapidamente um fruto, o que acontece? Ele perde o sabor. Enquanto nos preocupamos em crescer rapidamente, Deus se preocupa em ver-nos crescer fortes e saudáveis.
Hoje somos obcecados por rapidez, mas Deus se interessa mais por resistência e constância. Preferimos o jeitinho, o atalho, a solução imediata. Queremos um sermão, um seminário ou uma experiência que resolva instantaneamente todos os nossos problemas, retire todas as nossas tentações e nos alivie o sofrimento. Mas a verdadeira maturidade jamais será resultado de uma única experiência, por mais contundente e emocionante que seja. Crescer é um processo gradual. A Bíblia diz:
“Nossa vida vai se tornando gradualmente mais brilhante e mais bela à medida que Deus entra em nossa vida e nos torna semelhante a Ele.” (2 Coríntios 3.18b, Msg)
Embora Deus possa transformar nossa vida de forma instantânea, ele escolheu nos desenvolver vagarosamente. Existem várias razões pelas quais é necessário haver um processo de amadurecimento da nossa vida:
1ª Razão – Aprendemos LENTAMENTE.
O nosso aprendizado é lento. Quantas vezes foram necessárias fazermos tabuadas para podermos aprender e gravar as diversas multiplicações? Várias vezes! É comum termos de aprender uma lição várias vezes para realmente captá-la. A história de Israel demonstra quão depressa nos esquecemos das lições que Deus nos ensina e a rapidez com que retornamos aos velhos padrões de comportamento. Quantas vezes Deus precisou relembrar ao povo para que eles assimilassem algo? Deuteronômio é o livro da repetição das Leis.
2ª Razão – Temos muito a DESAPRENDER.
Como a maioria de nossos problemas – e todos os nossos hábitos ruins – não se desenvolvem da noite para o dia, não tem cabimento esperar que desapareçam imediatamente. Há hábitos ruins em nós, que de tão antigos, criaram raízes profundas. É necessário o trabalho duro de eliminação e substituição. A Bíblia chama isso despir-se do velho homem e revestir-se do novo homem.
“Quanto à antiga maneira de viver, vocês foram ensinados a despir-se do velho homem que se corrompe por desejos enganosos (…) a serem renovados no modo de pensar e (…) a revestir-se do novo homem, criado para ser semelhante a Deus em justiça e em santidade provenientes da verdade (…). Portanto, cada um de vocês deve abandonar a mentira e falar a verdade ao seu próximo, pois todos somos membros de um mesmo corpo.” (Efésios 4.22-25)
Embora tenhamos recebido uma natureza inteiramente nova no momento da conversão, preservamos ainda antigos hábitos, padrões e práticas que precisam ser eliminadas ou substituídas de nossa vida. Esse é o processo de desaprender para aprender novos hábitos.
3ª Razão – Novos e bons HÁBITOS levam tempo para se DESENVOLVER.
Lembre-se de que o nosso caráter é a soma total dos nossos hábitos. Nós não podemos dizer que somos gentis, a menos que sejamos habitualmente gentis. Não podemos afirmar que somos íntegros a menos que tenhamos o hábito de sermos honestos. Nossos hábitos definem nosso caráter. Só há uma maneira de desenvolvermos os hábitos que resultem num caráter semelhante ao de Cristo: praticando – e isso leva tempo! Não existem hábitos instantâneos. Paulo disse ao jovem Timóteo:
“… Seja um exemplo (…) na palavra, no procedimento, no amor, na fé e na pureza (…) dedique-se à leitura pública da Escritura, à exortação e ao ensino. Seja diligente nessas coisas; dedique-se inteiramente a elas, para que todos vejam o seu progresso.” (1 Timóteo 4.12-15)
Diante disso que foi apresentado até aqui, não desista e não se apresse. À medida que crescemos e amadurecemos espiritualmente, existem várias formas de cooperar com Deus durante o processo. O que não podemos esquecer é que estamos diariamente num combate para atingirmos a maturidade.
Sendo assim, como posso cooperar com Deus para atingir a maturidade?
Para atingir a maturidade…
1. CREIA que Deus está OPERANDO em sua vida, mesmo quando você não o SENTE.
Às vezes nos dá a impressão de que Deus não está fazendo nada com relação a nossa vida. No entanto, se Deus colocou a mão para trabalhar em sua vida, Ele vai fazer. Tudo o que Deus começa Ele conclui.
“Tenho certeza de que Deus, que começou a boa obra em vocês, continuará ajudando-os a crescer em sua graça até quando sua tarefa em vocês estiver finalmente terminada…” (Filipenses 1.6, BV)
O crescimento espiritual é um trabalho às vezes tedioso, que avança um passo de cada vez. A Bíblia diz:
“Para tudo há uma ocasião certa; há um tempo certo para cada propósito debaixo do céu.” (Eclesiastes 3.1)
Mesmo que você não perceba, Deus está trabalhando pelo seu crescimento. Sendo assim, busque diariamente atingir a maturidade para que você seja a pessoa que Deus quer formar em você.
Para atingir a maturidade…
2. Seja PACIENTE com Deus e CONSIGO mesmo.
Uma das frustrações da vida é que o cronograma de Deus raramente é igual ao nosso. Estamos quase sempre apressados, enquanto Deus não está. Talvez você se sinta frustrado com o progresso aparentemente lento que está fazendo na vida. Não se esqueça de que Deus nunca é apressado, mas é sempre pontual. Ele usará todo o nosso tempo de vida a fim de nos preparar para a eternidade. A Bíblia é cheia de exemplos de como Deus usa longos processos para desenvolver o caráter, especialmente de pessoas que Ele quer usar.
Ele levou oitenta anos para preparar Moisés, incluindo quarenta no deserto. Por 14 mil e 600 dias, Moisés ficou esperando e pensando: “Será que está na hora?” “Será que já estou pronto?” Mas Deus continuava dizendo: “Ainda não”.
Ao contrário dos títulos de livros populares, não existem passos fáceis para a maturidade ou segredos para santidade instantânea. Pastor Rick Warren disse: Quando Deus quer fazer um cogumelo, ele o faz da noite para o dia, mas, quando quer fazer um carvalho gigante, ele leva cem anos.
Pessoas maduras são desenvolvidas através do tempo, das lutas, tempestades e períodos de sofrimento. Tenha paciência com o processo. Tenha paciência com a maneira que Deus está trabalhando em você. Tiago aconselha:
“Por isso, não desistam facilmente. Essa perseverança os ajudará a amadurecer e a desenvolver plenamente o caráter de vocês.” (Tiago 1.4, AM)
Para atingir a maturidade…
3. Não DESANIME no meio do PROCESSO.
Não desanime no meio do processo de Deus para sua vida. Quando o profeta Habacuque ficou deprimido por achar que Deus não estava agindo rápido o suficiente, Deus lhe disse:
“Essas coisas que planejei não acontecerão imediatamente. Devagar, firmemente, e com certeza, vai se aproximando o tempo em que a visão será cumprida. Se parecer demorar muito, não se desespere, porque tudo vai acontecer mesmo! Seja paciente! O cumprimento dessa promessa não vai chegar nem um dia atrasado.” (Habacuque 2.3, BV)
O atraso não é uma negativa de Deus. Lembre-se de quanto você já passou, não de quanto terá de passar. Entenda uma verdade – Você talvez não esteja onde queria estar, mas também não está onde costumava estar. Olhe para o lado positivo de todo processo. Você avançou, progrediu. Você não desanimou e nem desistiu. Agradeça a Deus por isso. Permaneça firme!
Anos atrás, alguns americanos usavam um broche com as letras PFSPDANCAODEM. Significava: “POR FAVOR, SEJA PACIENTE. DEUS AINDA NÃO CONCLUIU A OBRA DELE EM MIM”.
Deus também ainda não concluiu a obra dele em você; então continue em frente. Persevere, não desista!
Conclusão:
Como está o seu coração hoje? O seu coração está disponível para ser trabalhado por Deus? Ao olhar para trás você pode afirmar que Deus já vem trabalhando em sua vida? Em que áreas de sua vida Deus vêm trabalhando de uma forma especial? Não esqueça!
Para atingir a maturidade…

  1. CREIA que Deus está OPERANDO em sua vida, mesmo quando você não o SENTE.
  2. Seja PACIENTE com Deus e CONSIGO mesmo.
  3. Não DESANIME no meio do PROCESSO.

 

Rolar para o topo