Josué – Uma Fé que Derruba Muralhas

SÉRIE “FÉ PARA RECOMEÇAR” | 04/08
JOSUÉ – UMA FÉ QUE DERRUBA MURALHAS

mensagem pregada pela Pra. Tatiana Ramos

“Pela fé caíram os muros de Jericó, sendo rodeados durante sete dias.” (Hebreus 11.30)

“Jericó estava completamente fechada por causa dos israelitas. Ninguém saía nem entrava. Então o Senhor disse a Josué: Saiba que entreguei nas suas mãos Jericó, seu rei e seus homens de guerra. Marche uma vez ao redor da cidade, com todos os homens armados. Faça isso durante seis dias. Sete sacerdotes levarão cada um uma trombeta de chifre de carneiro à frente da arca. No sétimo dia, marchem todos sete vezes ao redor da cidade, e os sacerdotes toquem as trombetas. Quando as trombetas soarem um longo toque, todo o povo dará um forte grito; o muro da cidade cairá e o povo atacará, cada um do lugar onde estiver. Josué, filho de Num, chamou os sacerdotes e lhes disse: Levem a arca da aliança do Senhor. Sete de vocês levarão trombetas à frente da arca. E ordenou ao povo: Avancem! Marchem ao redor da cidade! Os soldados armados irão à frente da arca do Senhor. Quando Josué terminou de falar ao povo, os sete sacerdotes que levavam suas trombetas perante o Senhor saíram à frente, tocando as trombetas. E a arca da aliança do Senhor ia atrás deles. Os soldados armados marchavam à frente dos sacerdotes que tocavam as trombetas, e o restante dos soldados seguia a arca. Durante todo esse tempo tocavam-se as trombetas. Mas, Josué tinha ordenado ao povo: Não deem o brado de guerra, não levantem a voz, não digam palavra alguma, até ao dia em que eu lhes ordenar. Então vocês gritarão! Assim se fez a arca do Senhor rodear a cidade, dando uma volta em torno dela. Então o povo voltou para o acampamento, onde passou a noite. Josué levantou-se na manhã seguinte, e os sacerdotes levaram a arca do Senhor. Os sete sacerdotes que levavam as trombetas iam adiante da arca do Senhor, tocando as trombetas. Os homens armados iam à frente deles, e o restante dos soldados seguia a arca do Senhor, enquanto as trombetas tocavam continuamente. No segundo dia também rodearam a cidade uma vez, e voltaram ao acampamento. E durante seis dias repetiram aquilo. No sétimo dia, levantaram-se ao romper da manhã e marcharam da mesma maneira sete vezes ao redor da cidade; foi apenas nesse dia que rodearam a cidade sete vezes. Na sétima vez, quando os sacerdotes deram o toque de trombeta, Josué ordenou ao povo: Gritem! O Senhor lhes entregou a cidade! A cidade, com tudo o que nela existe, será consagrada ao Senhor para destruição. Somente a prostituta Raabe e todos os que estão com ela em sua casa serão poupados, pois ela escondeu os espiões que enviamos. Mas fiquem longe das coisas consagradas, não se apossem de nenhuma delas, para que não sejam destruídos. Do contrário trarão destruição e desgraça ao acampamento de Israel. Toda a prata, todo o ouro e todos os utensílios de bronze e de ferro são sagrados e pertencem ao Senhor e deverão ser levados para o seu tesouro. Quando soaram as trombetas o povo gritou. Ao som das trombetas, e do forte grito, o muro caiu. Cada um atacou do lugar onde estava, e tomaram a cidade.” (Josué 6.1-20)

A Bíblia nos mostra que Josué era uma homem de fé, que acreditava em cada palavra liberada da boca de Deus. Por isso, foi capaz de conduzir o povo na conquista da cidade de Jericó, pois Josué tinha uma fé que derruba muralhas. Sendo assim, a partir da experiência de Josué e do povo de Deus, o que podemos aprender a respeito da fé que derruba muralhas? Quais são as lições espirituais que podemos aprender para aplicarmos no cotidiano de nossa vida?

A fé que derruba muralhas…

1. É uma fé que OBEDECE a Deus.

“Jericó estava completamente fechada por causa dos israelitas. Ninguém saía nem entrava. Então o Senhor disse a Josué: Saiba que entreguei nas suas mãos Jericó, seu rei e seus homens de guerra.” (Josué 6.1,2)

Quando Deus chamou Josué para liderar o povo, disse o seguinte: “… Tenha o cuidado de obedecer a toda a lei que o meu servo Moisés lhe ordenou; não se desvie dela, nem para a direita nem para a esquerda, para que você seja bem sucedido por onde quer que andar. Não deixe de falar as palavras deste Livro da Lei e de meditar nelas de dia e de noite, para que você cumpra fielmente tudo o que nele está escrito. Só então os seus caminhos prosperarão e você será bem sucedido.” (Josué 1.8)

A fé que derruba muralhas…

2. É uma fé que CRÊ no IMPOSSÍVEL.

“Marche uma vez ao redor da cidade, com todos os homens armados. Faça isso durante seis dias. Sete sacerdotes levarão cada um uma trombeta de chifre de carneiro à frente da arca. No sétimo dia, marchem todos sete vezes ao redor da cidade, e os sacerdotes toquem as trombetas. Quando as trombetas soarem um longo toque, todo o povo dará um forte grito; o muro da cidade cairá e o povo atacará, cada um do lugar onde estiver. Josué, filho de Num, chamou os sacerdotes e lhes disse: Levem a arca da aliança do Senhor. Sete de vocês levarão trombetas à frente da arca. E ordenou ao povo: Avancem! Marchem ao redor da cidade! Os soldados armados irão à frente da arca do Senhor. Quando Josué terminou de falar ao povo, os sete sacerdotes que levavam suas trombetas perante o Senhor saíram à frente, tocando as trombetas. E a arca da aliança do Senhor ia atrás deles.” (Josué 6.3-8)

Aos olhos humanos era impossível que as muralhas de Jericó caíssem e a cidade fosse conquistada se tudo fosse feito de acordo com o que Deus havia estabelecido. Porém, o que Josué e o povo precisavam aprender é que Deus é especialista em fazer aquilo é impossível aos nossos olhos! Eles precisavam crer que o impossível iria acontecer.

A fé que derruba muralhas…

3. É uma fé CONSCIENTE.

“As suas mulheres, os seus filhos e os seus rebanhos poderão ficar na terra que Moisés lhes deu a leste do Jordão, mas todos os homens de guerra, preparados para lutar, atravessarão à frente dos seus irmãos israelitas. Vocês os ajudarão até que o Senhor conceda um lugar de descanso para eles, como deu a vocês, e até que eles também tenham tomado posse da terra que o Senhor, o seu Deus, lhes dá. Depois disso vocês poderão voltar e ocupar a sua própria terra, que Moisés, servo do Senhor, lhes deu a leste do Jordão, na direção do nascer do sol.” (Josué 1.14,15)

A fé que o Espírito Santo quer gerar nos corações dos seguidores de Jesus é de fato uma Fé que não esmorece com o tempo. É uma fé consciente. Uma fé consciente está firmada nas promessas de Deus, não no tempo e nem nas circunstâncias desfavoráveis. Uma fé consciente tem uma base firme na verdade de que Deus é fiel para cumprir aquilo que Ele prometeu.

“O tempo é um provador natural da nossa fé e perseverança.”

Conclusão:

Quais são as muralhas que precisam cair da sua vida hoje? Essas muralhas podem simbolizar obstáculos que parecem intransponíveis, mas, embora eles sejam impossíveis para nós, eles são possíveis para o nosso Deus. Ele é o Deus que age nas nossas impossibilidades. Creia que o Seu poder não mudou. O mesmo Deus que deu vitória a Josué e ao povo de Israel ao entrar na Terra Prometida é o mesmo Deus que você serve com um coração sincero. A vitória de Deus para sua vida já está reservada! Você só precisa ter uma fé que derruba muralhas.

A fé que derruba muralhas…
1. É uma fé que OBEDECE a Deus.
2. É uma fé que CRÊ no IMPOSSÍVEL.
3. É uma fé CONSCIENTE.

Rolar para o topo