O Amigo para Todas as Horas

O AMIGO PARA TODAS AS HORAS
mensagem pregada pelo Pr. Acyr Júnior
“Naquele dia, ao anoitecer, disse ele aos seus discípulos: Vamos para o outro lado. Deixando a multidão, eles o levaram no barco, assim como estava. Outros barcos também o acompanhavam. Levantou-se um forte vendaval, e as ondas se lançavam sobre o barco, de forma que este ia se enchendo de água. Jesus estava na popa, dormindo com a cabeça sobre um travesseiro. Os discípulos o acordaram e clamaram: Mestre, não te importas que morramos? Ele se levantou, repreendeu o vento e disse ao mar: Aquiete-se! Acalme-se! O vento se aquietou, e fez-se completa bonança. Então perguntou aos seus discípulos: Por que vocês estão com tanto medo? Ainda não têm fé? Eles estavam apavorados e perguntavam uns aos outros: Quem é este que até o vento e o mar lhe obedecem?” (Marcos 4.35-41)
Você tem um amigo para todas as horas? Você tem alguém com quem possa contar em todos os momentos da sua vida? Talvez uma resposta positiva a essas perguntas não seja a realidade de muitos que estão aqui.
É mais fácil fazer e manter amigos quando as coisas estão bem, quando o tempo é de festa, quando se pode retribuir alguma coisa. Porém, os verdadeiros amigos se fazem presentes mesmo quando as coisas não vão muito bem, mesmo quando as circunstâncias da vida são desfavoráveis! Mas quero apresentá-lo um amigo que promete estar com você em todos os lances do seu viver, um amigo para todas as horas. O seu nome é Jesus! Nele você pode confiar, pois Ele nunca falhou, nunca falha e nunca falhará!
No texto que lemos, depois de uma jornada de muito trabalho, ao anoitecer Jesus dá um comando aos seus discípulos: vamos para o outro lado do lago. Talvez não fosse um momento conveniente para atravessar a escuridão do lago. Naquela época não era comum navegar à noite. De repente, um forte vendaval se levantou e as ondas se agigantaram sobre o barco. A coisa ficou feia. Era de aterrorizar. A tempestade era terrível e fez com que os discípulos ficassem apavorados.
O mesmo acontece com a nossa vida. Há momentos em que as circunstâncias nos são desfavoráveis. Temos a sensação de estar no lugar errado e na hora errada. As tempestades chegam de forma terríveis e nos fazem ficar apavorados e sem esperança. Você já se viu assim? Nas circunstâncias desfavoráveis temos a tendência de perguntar: Por que Deus permitiu isso? Por que isso está acontecendo comigo? Por que estou enfrentando essas tempestades tão terríveis? Entretanto, precisamos aprender algumas lições sobre as tempestades da vida.
1ª Lição – As tempestades da vida são INESPERADAS
Não temos controle sobre as tempestades da vida. Elas não mandam telegrama, nem recado e nem pedem licença. Elas nos colhem de surpresa e nos deixam apavorados. As tempestades da vida são inesperadas: é um desemprego, uma enfermidade, uma crise no casamento, um acidente, etc. Todos enfrentam tempestades na caminhada da vida.
2ª Lição – As tempestades da vida são PERIGOSAS
As tempestades da vida são ameaçadoras, são perigosas, são verdadeiros terremotos que alcançam o nosso viver. Muitas vezes elas chegam de forma tão intensa que deixam as estruturas da nossa vida abaladas, colocam no chão aquilo que levamos anos para construir. Além de inesperadas, as tempestades da vida também são perigosas.
3ª Lição – As tempestades da vida são SURPREENDENTES
As tempestades da vida podem transformar cenários domésticos em lugares ameaçadores. No caso dos discípulos, o comum tornou-se um monstro indomável. Eles conheciam o mar, mas a tempestade os surpreendeu. Muitas vezes, as tempestades mais terríveis que enfrentamos na vida não vêm de horizontes distantes nem trazem coisas novas, mas apanham aquilo que era ordinário e comum em nossa vida e bota tudo de cabeça para baixo.
4ª Lição – As tempestades da vida não são ADMINISTRÁVEIS
As tempestades da vida são maiores do que nossas forças. Os discípulos, com certeza, se esforçaram para contornar o problema, para saírem ilesos da tempestade. Mas não foram capazes de enfrentar a fúria daquela terrível tempestade. Seus esforços não puderam vencer o problema.
Porém, hoje, não quero ficar falando somente sobre as tempestades da vida, porque elas virão de qualquer maneira e em qualquer tempo. Quero falar a respeito de um amigo que está conosco no meio das tempestades da vida, um amigo para todas as horas: seu nome é Jesus.
Na história que lemos, O barco estava agitado e os discípulos estavam apavorados, mas Jesus dormia sobre um travesseiro. Sabem por quê? Porque o céu nunca está em crise. Jesus é a própria paz no mundo agitado que está sob seu controle sempre. Ele é o amigo para todas as horas.
Se Jesus estava no barco com os discípulos, por que eles estavam tão apavorados? Por que estavam com tanto medo? Na verdade, os discípulos deveriam ter fé e não medo, pois o amigo para todas as horas estava com eles no momento mais difícil das suas vidas.
Por que podemos confiar em Jesus nas horas difíceis da vida? Por que podemos crer que ele fará algo em nosso favor nas tempestades da vida? Por que podemos acreditar que Jesus é o amigo para todas as horas?
Jesus, o amigo para todas as horas…
1. Tem uma PROMESSA para nossa vida
“Naquele dia, ao anoitecer, disse ele aos seus discípulos: Vamos para o outro lado.” (v.35)
Jesus havia empenhado a sua palavra a eles: vamos para o outro lado. O destino deles não era o naufrágio, mas o outro lado do mar. Para Jesus promessa e realidade são a mesma coisa. O que ele fala, ele cumpre. Jesus não promete viagem calma e fácil, mas garante chegada certa e segura. Jesus não promete ausência de luta, mas vitória garantida. Essa promessa deveria ter encorajado e fortalecido os discípulos. O salmista deixou registrado o seguinte:
“Ó Senhor, Deus dos Exércitos, quem é semelhante a ti? És poderoso, Senhor, envolto em tua fidelidade. Tu dominas o revolto mar; quando se agigantam as suas ondas, tu as acalmas.” (Salmos 89.8,9)
Quando o medo assaltar a sua fé, agarre-se nas palavras e nas promessas de Jesus. As promessas de Jesus são sementes que nunca morrem no coração daqueles que nele confiam! Seu destino profético já foi determinado por Jesus. Você não vai naufragar neste mar revolto que chegou à sua vida, você não vai morrer no deserto, mas você vai alcançar o lugar da promessa liberada por Jesus! Tome posse da promessa de Jesus hoje: vamos para o outro lado!
Jesus, o amigo para todas as horas…
2. Está PRESENTE em nossa vida
“Deixando a multidão, eles o levaram no barco, assim como estava. Outros barcos também o acompanhavam.” (v.36)
É a presença de Jesus que nos livra do temor. Davi disse que ainda que ele andasse pelo vale da sombra da morte não temeria mal algum. Não porque o vale seria um caminho seguro; não porque a circunstância era fácil de enfrentar, mas porque a presença de Deus era o seu amparo. Nas tempestades da vida a única presença certa e segura é a de Jesus. Sua presença é nossa âncora e nosso porto seguro. Sua presença é a certeza do refúgio, da fortaleza, da torre forte em tempos de angústia, de medo, de incertezas e de pavor. O profeta Isaías declara essa verdade:
“Mas agora assim diz o Senhor, aquele que o criou, ó Jacó, aquele que o formou, ó Israel: não tema, pois eu o resgatei; eu o chamei pelo nome; você é meu. Quando você atravessar as águas, eu estarei com você; e, quando você atravessar os rios, eles não o encobrirão. Quando você andar através do fogo, você não se queimará; as chamas não o deixarão em brasas. Pois eu sou o Senhor, o seu Deus, o Santo de Israel, o seu Salvador…” (Isaías 43.1-3)
Os discípulos se entregaram ao medo porque se esqueceram que Jesus estava com eles. O Rei do céu e da terra estava no mesmo barco e por isso o barco não poderia afundar. O criador do vento e do mar está conosco, não precisamos ter medo das tempestades.
Jesus, o amigo para todas as horas…
3. Concede sua PAZ para nossa vida
“Jesus estava na popa, dormindo com a cabeça sobre um travesseiro. Os discípulos o acordaram e clamaram: Mestre, não te importas que morramos?” (v.38)
Enquanto a tempestade rugia com toda fúria, Jesus estava dormindo. Assim como o homem que jogou a semente no solo e depois adormeceu tranquilamente, Jesus descansa certo de que o Pai cuidará dele e da semente que plantara. Será que Jesus sabia que a tempestade viria? É claro que sim. Ele sabe todas as coisas, nada o apanha de surpresa. Aquela tempestade estava na agenda de Jesus; ela fazia parte do currículo de treinamento dos discípulos. Contudo, se Jesus sabia da tempestade, por que dormiu?
Jesus dormiu por duas razões: dormiu porque descansava totalmente na providência do Pai; e dormiu porque sabia que a tempestade seria pedagógica na vida dos seus discípulos. O fato de Jesus estar descansando na tempestade já deveria ter acalmado e encorajado os discípulos. Jesus estava descansando na vontade do Pai e sabia que o Pai cuidaria dele enquanto dormia. Isso se chama “paz no vale”. Se Jesus estiver no barco da sua vida, você não precisa temer. Ele concede uma paz que excede todo entendimento nas tempestades da vida. Ele disse:
“Deixo-lhes a paz; a minha paz lhes dou. Não a dou como o mundo a dá. Não se perturbem os seus corações, nem tenham medo.” (João 14.27)
“Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo!” (João 16.33)
Jesus, o amigo para todas as horas…
4. Revela o seu PODER em nossa vida
“Ele se levantou, repreendeu o vento e disse ao mar: Aquiete-se! Acalme-se! O vento se aquietou, e fez-se completa bonança.” (v.39)
Aquele que estava no barco com os discípulos é o criador da natureza. As leis da natureza estão nas suas mãos. Ele controla o universo. A natureza ouve a sua voz e lhe obedece. Jesus revela o seu poder acalmando o mar. Ele repreendeu o vento e o mar e eles se aquietaram e se emudeceram. Agora não temos mais Jesus adormecido no rugido da tempestade, mas a tempestade adormecida ao pés do Senhor que dera a ordem. A Bíblia diz que Jesus tem todo o poder no céu e na terra.
Jesus também tem poder para repreender os problemas que nos atacam, a enfermidade que nos assola, a crise que nos cerca, as aflições que nos oprimem, as lutas que nos abatem. Jesus repreendeu o mar pela sua fúria e depois repreendeu os discípulos pela falta de fé. Muitas vezes, a tempestade mais perigosa não é aquela que levanta os ventos e agita o mar, mas a tempestade do medo e da incredulidade.
Às vezes, o nosso maior problema não está ao nosso redor, mas dentro de nós. O Senhor é a nossa bandeira. Ele é o nosso defensor. Ele é o nosso escudo, e, por isso, não precisamos temer. Jesus é o Deus que revela o seu poder em nossa vida, trazendo o céu à terra e realizando suas obras sobrenaturais. Cabe a mim e a você crermos, pela fé, nesse amigo para todas as horas, que está pronto para realizar seus milagres em nossa vida.
Conclusão:
Os discípulos ficaram tão impressionados com a autoridade e o poder de Jesus que perguntaram: “Quem é este que até o vento e o mar lhe obedecem?”. Jesus é o Senhor sobre todas as circunstâncias. Só Jesus é capaz de acalmar o mar agitado da existência humana. Basta que tomemos posse das suas promessas, participemos da sua presença, desfrutemos da sua paz para, então, vermos a manifestação do seu poder a nosso favor. Jesus é aquele que quer não apenas mudar as circunstâncias de nossa vida, mas quer nos transformar e nos dar uma vida com propósito. Em uma de suas referências a Jesus, a Bíblia diz:
“… E ele será chamado Maravilhoso, Conselheiro, Deus Poderoso, Pai Eterno, Príncipe da Paz.” (Isaías 9.6b)
Jesus, o amigo para todas as horas…
1. Tem uma PROMESSA para nossa vida
2. Está PRESENTE em nossa vida
3. Concede sua PAZ para nossa vida
4. Revela o seu PODER em nossa vida

  • Quais as circunstâncias adversas que você está enfrentando em sua vida?
  • O que tem lhe causado medo, tristeza, desesperança, desânimo?
  • Você já convidou Jesus, o amigo para todas as horas, para entrar no seu coração, no seu barco, para atravessar o mar agitado da sua vida com você?

Se você quer convidar Jesus para ser o seu amigo de todas as horas, quero desafiá-lo a fazer essa oração comigo. Ele vai tirar todos os medos e acalmar o mar agitado do seu viver.

 

Rolar para o topo