O Desafio de Amar o Mundo (10/09/2015 – quinta)

O DESAFIO DE AMAR O MUNDO
mensagem pregada pelo Pr. Carlito Paes (IC em São José dos Campos – SP)
“Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna.” (João 3.16)
Você sempre vai encontrar muitos motivos para não amar, por isso Deus te ordenou a amar! Hoje, vamos receber de Deus uma mensagem sobre a prática de Amar.
– Quem amar?
– Porque amar?
– Quais são os obstáculos para amar?
1. A QUEM DEVEMOS AMAR?
Todas as pessoas necessitadas no mundo que vamos encontrar se encaixarão em algumas destas realidade! Em dias de falta de amor em todo mundo, amar o mundo significa prioritariamente amar…
• OS POBRES SEM LAR E COM FOME
“O jejum que me agrada é que vocês repartam a sua comida com os famintos, que recebam em casa os pobres que estão desabrigados, que deem roupas aos que não têm e que nunca deixem de socorrer os seus parentes.” (Isaías 58.6-7 NTLH)
• OS ORFÃOS E VIÚVAS EM SUAS NECESSIDADES
“A religião que Deus nosso Pai aceita como pura e imaculada é esta: cuidar dos órfãos e das viúvas em suas dificuldades e manter-se incontaminado pelo mundo.” (Tiago 1.27)
• OS PRESIDIÁRIOS EM SUA REALIDADE
“Lembrem-se dos que estão na prisão, como se aprisionados com eles; dos que estão sendo maltratados, como se vocês mesmos estivessem sofrendo no corpo.” (Hebreus 13.3)
• OS IMIGRANTES EM NOSSA CIDADE
“Amem esses estrangeiros, pois vocês foram estrangeiros no Egito.” (Deuteronômio 10.19)
• OS DOENTES E AFLITOS AO NOSSO REDOR
“Vocês não tratam as fracas, não curam as doentes, não fazem curativos nas machucadas, não vão buscar as que se desviam, nem procuram as que se perdem.” (Ezequiel 34.4 NTLH)
• AS MULTIDÕES SEM PASTOREIO
“Ao ver as multidões, teve compaixão delas, porque estavam aflitas e desamparadas, como ovelhas sem pastor.” (Mateus 9.36)
• O PRÓXIMO EM SUA NECESSIDADE MAIS REAL
“Mas um samaritano, estando de viagem, chegou onde se encontrava o homem e, quando o viu, teve piedade dele.” (Lucas 10.33)
Necessidades podem ser…
– Espirituais,
– Financeiras,
– Emocionais,
– Sociais.
2. PORQUE DEVEMOS AMAR?
a. É MANDAMENTO DIVINO
“Sejam misericordiosos, assim como o Pai de vocês é misericordioso.” (Lucas 6.36)
“Vão e aprendam o que significa isto: Misericórdia quero, e não sacrifício. Pois eu não vim chamar justos, mas pecadores.” (Mateus 9.13 NVI)
b. A REALIDADE EXIGE
“Sempre que puder, ajude os necessitados.” (Provérbios 3.27 NTLH)
“Se alguém é rico e vê o seu irmão passando necessidade, mas fecha o seu coração para essa pessoa, como pode afirmar que, de fato, ama a Deus?” (1ª João 3.17 NTLH)
c. DESEJAMOS SER COMO JESUS
“E foram até Jesus grandes multidões levando coxos, aleijados, cegos, mudos e muitos outros doentes, que eram colocados aos seus pés. E ele curou todos.” (Mateus 15.30 NTLH)
“Então os enviou para anunciarem o Reino de Deus e curarem os doentes. (…) Os discípulos então saíram de viagem e andaram por todos os povoados, anunciando o evangelho e curando doentes por toda parte.” (Lucas 9.2,6 NTLH)
d. NOSSA FÉ IMPLICA EM OBRAS
“Assim como o corpo sem espírito está morto, também a fé sem obras está morta.” (Tiago 2.26)
3 – QUAIS SÃO OS MAIORES OBSTÁCULOS PARA AMAR?
 NOSSOS PRÓPRIOS MEDOS
a. TENHO MEDO DE PEGAR A DOENÇA
“Estou muito abatido e encurvado e choro o dia todo. (…) Sinto-me profundamente abatido e desanimado; o meu coração está aflito, e eu fico gemendo de dor. O meu coração bate depressa, estou fraco, e os meus olhos perderam o brilho. Por causa das minhas feridas, os meus amigos não chegam perto de mim, e até a minha família se afasta.” (Salmo 38.6-11 NTLH)
b. TENHO RECEIO DO QUE OS OUTROS POSSAM PENSAR
“Vendo isto, os fariseus perguntaram aos discípulos dele: “Por que o mestre de vocês come com publicanos e ‘pecadores’?” Ouvindo isso, Jesus disse: “Não são os que têm saúde que precisam de médico, mas sim os doentes.” (Mateus 9.11-12)
c. TENHO RECEIO DE QUE O PROBLEMA SEJA GRANDE DEMAIS
“Jesus olhou para eles e respondeu: – Para os seres humanos isso não é possível; mas, para Deus, tudo é possível.” (Mateus 19.26 NTLH)
d. TENHO MEDO DE FICAR PERTO DE PESSOAS DOENTES
“No amor não há medo; pelo contrário o perfeito amor expulsa o medo, porque o medo supõe castigo. Aquele que tem medo não está aperfeiçoado no amor.” (1ª João 4.18)
e. NÃO SEREI RECONHECIDO
“Nem buscamos reconhecimento humano, quer de vocês quer de outros.” (1ª Tessalonicenses 2.6)
4 – QUAL É A NOSSA OPORTUNIDADE DE AMAR?
 SERMOS IGUAIS A JESUS NESTE MUNDO
“Quando Jesus saiu do barco e viu aquela grande multidão, ficou com muita pena deles e curou os doentes que estavam ali.” (Mateus 14.14 NTLH)
a. OFERECENDO PONTES PARA O DISCIPULADO
“Com isto todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros.” (João 13.35)
b. OFERECENDO AJUDA PRÁTICA
“Levem os fardos pesados uns dos outros e, desta forma, cumpram a lei de Cristo.” (Gálatas 6.2)
c. OFERECENDO ESPERANÇA
“Ali devolverei a ela as suas vinhas, e farei do vale de Açor uma porta de esperança. Ali ela me responderá como nos dias de sua infância, como no dia em que saiu do Egito.” (Oséias 2.15)
d. DEIXANDO UM LEGADO DE VIDA
“Se o seu irmão pecar contra você, vá e, a sós com ele, mostre-lhe o erro. Se ele o ouvir, você ganhou seu irmão.” (Mateus 18.15)
Ganhe pessoas, e perca coisas, e não ganhe coisas e perca pessoas!
Vamos amar agora?

 

Rolar para o topo