Prepare-se para o Novo

PREPARE-SE PARA O NOVO

mensagem pregada pela Pra. Tatiana Ramos

“Então Elias disse a todo o povo: Chegai-vos a mim. E todo o povo se chegou a ele; e restaurou o altar do Senhor, que estava quebrado. E Elias tomou doze pedras, conforme ao número das tribos dos filhos de Jacó, ao qual veio a palavra do Senhor, dizendo: Israel será o teu nome. E com aquelas pedras edificou o altar em nome do Senhor; depois fez um rego em redor do altar, segundo a largura de duas medidas de semente. Então armou a lenha, e dividiu o bezerro em pedaços, e o pôs sobre a lenha. E disse: Enchei de água quatro cântaros, e derramai-a sobre o holocausto e sobre a lenha. E disse: Fazei-o segunda vez; e o fizeram segunda vez. Disse ainda: Fazei-o terceira vez; e o fizeram terceira vez; De maneira que a água corria ao redor do altar; e até o rego ele encheu de água. Sucedeu que, no momento de ser oferecido o sacrifício da tarde, o profeta Elias se aproximou, e disse: Ó Senhor Deus de Abraão, de Isaque e de Israel, manifeste-se hoje que tu és Deus em Israel, e que eu sou teu servo, e que conforme à tua palavra fiz todas estas coisas. Responde-me, Senhor, responde-me, para que este povo conheça que tu és o Senhor Deus, e que tu fizeste voltar o seu coração. Então caiu fogo do Senhor, e consumiu o holocausto, e a lenha, e as pedras, e o pó, e ainda lambeu a água que estava no rego. O que vendo todo o povo, caíram sobre os seus rostos.” (1º Reis 18.30-39)

De acordo com a experiência de Elias, quais são as atitudes para experimentarmos o novo de Deus?

Para experimentar o novo de Deus…

1. RECONHEÇA os seus pecados

“Então Elias disse a todo o povo: Chegai-vos a mim. E todo o povo se chegou a ele; e restaurou o altar do Senhor, que estava quebrado.” (1º Reis 18.30)

Quando Elias chama o povo e inicia a restauração do altar, ele está chamando o povo para um arrependimento. No altar O velho homem tem o seu fim.

“A definição mais correta de adoração não é música e louvor, e sim obediência.”

Para experimentar o novo de Deus…

2. VALORIZE os planos de Deus

“E Elias tomou doze pedras, conforme ao número das tribos dos filhos de Jacó, ao qual veio a palavra do Senhor, dizendo: Israel será o teu nome. Depois fez um rego em redor do altar, segundo a largura de duas medidas de semente. Então armou a lenha, e dividiu o bezerro em pedaços, e o pôs sobre a lenha. E disse: Enchei de água quatro cântaros, e derramai-a sobre o holocausto e sobre a lenha. E disse: Fazei-o segunda vez; e o fizeram segunda vez. Disse ainda: Fazei-o terceira vez; e o fizeram terceira vez; De maneira que a água corria ao redor do altar; e até o rego ele encheu de água.” (1º Reis 18.31-35)

Elias, ao pegar as doze pedras simbolizando as 12 tribos de Israel, estava lembrando ao povo de Deus como eles foram constituídos como um povo. Houve um envolvimento de Deus com seus antepassados. Para viver o novo, precisamos nos lembrar quem somos em Deus e a responsabilidade que temos em seus projetos na Terra.

Para experimentar o novo de Deus…

3. DESENVOLVA uma vida de oração

“Sucedeu que, no momento de ser oferecido o sacrifício da tarde, o profeta Elias se aproximou, e disse: Ó Senhor Deus de Abraão, de Isaque e de Israel, manifeste-se hoje que tu és Deus em Israel, e que eu sou teu servo, e que conforme à tua palavra fiz todas estas coisas. Responde-me, Senhor, responde-me, para que este povo conheça que tu és o Senhor Deus, e que tu fizeste voltar o seu coração.” (1º Reis 18.36-37)

Quando o nosso coração está cheio da Palavra de Deus e da sua presença, nossas orações declaram a vontade de Deus na Terra e revelam a Sua Pessoa. Elias quando faz essa oração no meio dos falsos profetas e do povo de Deus, ele sabia a quem Ele estava orando e qual o propósito. Antes dessa manifestação extraordinária que Elias estava pedindo a Deus, ele tinha passado por suas próprias experiências no deserto com Deus.

Conclusão:

Se você quer experimentar o novo de Deus em sua vida e Igreja…
 Reconheça seu pecado
 Valorize os planos de Deus
 Desenvolva uma vida de oração

Depois desses passos Elias foi instrumento de manifestação do Nome Poderoso de Deus:

“Então caiu fogo do Senhor, e consumiu o holocausto, e a lenha, e as pedras, e o pó, e ainda lambeu a água que estava no rego. O que vendo todo o povo, caíram sobre os seus rostos.” (1º Reis 18.38,39)

Rolar para o topo