Trocando a Incredulidade pela Fé (15/11/2015 – noite)

TROCANDO A INCREDULIDADE PELA FÉ
mensagem pregada pelo Pr. Vicente Bomfim
“Alguns dias depois, Jesus voltou para a cidade de Cafarnaum, e logo se espalhou a notícia de que ele estava em casa. Muitas pessoas foram até lá, e ajuntou-se tanta gente, que não havia lugar nem mesmo do lado de fora, perto da porta. Enquanto Jesus estava anunciando a mensagem, trouxeram um paralítico. Ele estava sendo carregado por quatro homens, mas, por causa de toda aquela gente, eles não puderam levá-lo até perto de Jesus. Então fizeram um buraco no telhado da casa, em cima do lugar onde Jesus estava, e pela abertura desceram o doente deitado na sua cama. Jesus viu que eles tinham fé e disse ao paralítico: Meu filho, os seus pecados estão perdoados. Alguns mestres da Lei que estavam sentados ali começaram a pensar: o que é isso que esse homem está dizendo? Isso é blasfêmia contra Deus! Ninguém pode perdoar pecados; só Deus tem esse poder! No mesmo instante Jesus soube o que eles estavam pensando e disse: por que vocês estão pensando essas coisas? O que é mais fácil dizer ao paralítico: os seus pecados estão perdoados ou levante-se, pegue a sua cama e ande? Pois vou mostrar a vocês que eu, o Filho do Homem, tenho poder na terra para perdoar pecados. Então disse ao paralítico: eu digo a você: levante-se, pegue a sua cama e vá para casa. No mesmo instante o homem se levantou na frente de todos, pegou a cama e saiu. Todos ficaram muito admirados e louvaram a Deus, dizendo: Nunca vimos uma coisa assim!” (Marcos 2.1-12)
Sabemos que o contexto histórico desta passagem é muito rico. Em seu conteúdo existem riquezas profundas a respeito da vida de Jesus, a respeito da sua obra, a respeito dos seus milagres. Ensinamentos para não desistirmos da promessa, ensinamentos para caminharmos mais adiante para ajudar alguém. Muitas coisas estão escondidas neste texto! Coisas subliminares que nossos olhos não percebem numa primeira olhada.
Mas hoje desejo trabalhar com vocês, não a visão do paralítico descendo pelo telhado da casa; muito menos a visão dos quatro amigos que, com muita força de vontade e fé, o conduziram por esta jornada. Mas quero trabalhar com vocês a visão dos mestres da lei que observavam toda a ação de todos os personagens desta história e, em particular, a ação de Jesus.
Não era uma coisa comum alguém falar: “perdoados estão os seus pecados”. Exista uma cultura muito forte em Jerusalém a respeito de perdão de pecados. Os homens daquele tempo não aceitavam assim tão fácil uma palavra como esta. Jesus sabia que criaria uma rachadura entre eles quando disse: “perdoados estão os seus pecados”. Os mestres da Lei enlouqueceram quando ouviram isso!
Sabe por quê? Porque Jesus estava estabelecendo uma nova doutrina na visão deles. Havia entre eles o entendimento de que o homem poderia até curar um enfermo, mas, nunca perdoar seus pecados, pois o perdão de pecados só poderia ser feito mediante a cultura de um sacrifício que a antiga lei determinava.
E agora vem este tal Jesus, o carpinteiro, tentando mudar as nossas raízes religiosas e culturais! Tentando mudar a lei do grande Moisés, que fora dada por Deus no deserto e nos montes! Isto é um absurdo diziam eles! Mas, olha a atitude de Jesus! A Bíblia diz que:
“No mesmo instante Jesus soube o que eles estavam pensando e disse: por que vocês estão pensando essas coisas? O que é mais, fácil dizer ao paralítico: os seus pecados estão perdoados ou Levante-se pegue sua cama e ande?”
Talvez você que chegou a este lugar e ainda tenha dúvidas sobre quem é Jesus. E eu não tiro sua razão, pois os homens que estavam lá na época, que viam os sinais que Jesus fazia, tiveram dúvida e até mesmo não acreditaram que ele podia fazer qualquer coisa na terra e no céu, porque foi dada a ele toda a autoridade.
Como é que você mudará suas atitudes, e as suas incredulidades de uma hora para outra? Eu lhe digo: Trocando a incredulidade, pela fé! Sendo assim, como você pode trocar a incredulidade pela fé?
Para trocar a incredulidade pela fé…
1. Entenda que Jesus tem toda a AUTORIDADE na terra e no céu.
“Pois vou mostrar a vocês que eu, o Filho do Homem, tenho poder na terra para perdoar pecados.” (v.10)
Havia no tempo desta passagem homens que eram do Sinédrio: escribas, fariseus e doutores da lei. Estes homens não foram a Carfanaum para simplesmente ouvir a mensagem de Jesus, foram para questionar a sua autoridade, foram para questionar Jesus, humilhá-lo e se possível matá-lo. Mas Jesus, ao saber que estes homens estavam ali, resolve estabelecer uma linha de pensamento para conflitar com eles. Na verdade Jesus acabara de voltar de uma jornada pela vila da Galileia.
Cafarnaum era um tipo de quartel general de Jesus, cidade escolhida por Ele para habitar logo após terem-no expulsado de Nazaré. Ele tomou a cidade de Cafarnaum como sua base para voltar e ficar por um tempo. Por isso, quando Jesus volta, sua casa está cheia de pessoas sedentas por ouvir a sua mensagem. Não eram pessoas assim como as outras que ele encontrava pelas cidades. Elas eram pessoas que buscavam conhecer dos ensinamentos de Jesus.
E ali estavam aqueles que eram a oposição ao ministério de Jesus. Por isso os estudiosos chamam este segundo capítulo de Marcos do capítulo da oposição! Jesus então tinha que fazer algo, pois os pensamentos deles colocavam em dúvida sua obra messiânica.
Você pode estar se perguntando: o que podemos aprender com este assunto? Jesus havia estabelecido uma linha muito clara de que era chegado o reino dos céus, e que aquele que haveria de vir, chegou! E agora, mediante a este pensamento dos homens do Sinédrio, tudo poderia ir por água abaixo. Ele precisava afirmar quem ele era, por isso usou a afirmativa “Eu, o filho do homem”.
Quando Jesus afirma ser ele o Filho do homem, ele estabelece uma conexão com a promessa messiânica. Jesus estava afirmando ser ele aquele que pisaria a cabeça da serpente! Ele afirma que era ele aquele que carregaria o pecado do mundo! Ele esta afirmando que através dele o homem voltaria a ter comunhão com Deus! Para os escribas ou a comissão do Sinédrio isto era impossível.
Sabe o que aprendo aqui? Jesus, nos dias de hoje, também está tendo que provar que tem todo o poder na terra e no céu! Por quê? Por causa da incredulidade do povo. A incredulidade não é algo da classe baixa do país, porém a incredulidade é algo que está em todas as camadas sociais do nosso país, e inclusive dentro das igrejas. Jesus até hoje está tendo que fazer o impossível para convencê-lo de quem ele é! E na verdade isto tem um nome: incredulidade! Portanto, entenda que Jesus tem toda a autoridade no céu e na terra.
Para trocar a incredulidade pela fé…
2. Entenda que a ORDEM que Jesus dá NÃO PODE ser REVOGADA.
“Então disse ao paralítico: eu digo a você: levante-se, pegue a sua cama e vá para casa.” (v.11)
Agora Jesus resolve ir mais adiante com a falta de entendimento daqueles homens. Jesus constrange aqueles indivíduos e sua incredulidade. Ele traz à existência o sobrenatural. Jesus dá uma ordem para o paralítico “levante-se, pegue a sua cama e vá para casa”. Sabe o que aprendo aqui? Quando vivemos na incredulidade, não experimentamos os milagres de Jesus, mas apenas observamos os milagres como meros expectadores.
Os escribas foram apanhados pela sua própria teologia, porque ao mesmo tempo em que rejeitavam a divindade de Cristo, acreditavam fortemente que só Deus poderia perdoar pecados. Jesus então se dirige ao paralítico dizendo: perdoados estão os seus pecados e logo após curou o homem. Dentro da teologia dos escribas, a cura era a prova incontestável do perdão. Assim, Jesus provou que não era um charlatão, mas o próprio filho de Deus, pois fez as duas coisas que só Deus poderia fazer. Jesus vai além das nossas expectativas para transformar a nossa incredulidade em fé.
Na verdade Jesus colocou os mestres da lei em uma arapuca, quando deu movimento àquele corpo paralítico e movimentou o coração de Deus para o perdão. Ele fez uma única coisa que só Deus poderia fazer; pos a graça em movimento. Eu não sei como você entrou aqui nesta celebração, triste por causa da vida e de suas circunstâncias ou até mesmo incrédulo, como aqueles fariseus e escribas. O que sei é que você pode trocar sua incredulidade pela fé nesta noite e sair daqui com a sua vida transformada.
Para trocar a incredulidade pela fé…
3. Entenda que há COISAS que JESUS FAZ que ninguém nunca fez.
“Todos ficaram muito admirados e louvaram a Deus, dizendo: nunca vimos uma coisa assim!” (v.12)
Este princípio é bem claro. Jesus precisava estabelecer uma verdade naquela situação. E, para tanto, precisava impactar os grupos que estavam naquele lugar: a multidão, os mestres da lei e o paralítico! Então ele resolve esta questão fazendo algo que ninguém nunca fez! Ele perdoa e cura o paralítico, ele reafirma para a multidão a promessa messiânica e apresenta para os mestres da lei que ele era o filho do homem. Jesus ao praticar esta ação, estabelece uma afirmativa: aquele que vem a mim sempre experimenta algo extraordinário. Observem uma coisa: “Todos ficaram admirados…”.
Sabe o que podemos aprender aqui? Nós podemos estar em quaisquer destes grupos! Podemos ser apenas um paralítico, buscando a cura física; mas Jesus quer ir além e tratar muito mais do que uma cura física. Podemos ser a multidão atrás de conhecimento, e Jesus estabelecer a promessa messiânica para nossa vida! Mas, também podemos ser como os mestres da lei deste tempo, e Jesus mostrar para nós que ele é Deus!
Na verdade eu não sei qual o tipo de grupo que você pertence! Mas, se tem uma coisa que os três grupos experimentaram, e que você precisa experimentar, foi trocar sua incredulidade pela fé. E sabe como você pode fazer isso?
Conclusão:
Para trocar a incredulidade pela fé…
1. Entenda que Jesus tem toda a AUTORIDADE na terra e no céu.
2. Entenda que a ORDEM que Jesus dá NÃO PODE ser REVOGADA.
3. Entenda que há COISAS que JESUS FAZ que ninguém nunca fez.
O grande Deus, na pessoa de Jesus, está movimentando sua graça neste tempo. Para quê? Para curá-lo, para perdoá-lo, para salvá-lo, para mudar as lentes da sua visão e tirar você da incredulidade! O que você precisa fazer? Você precisa tomar uma atitude agora! Venha para Jesus e deixe que ele transforme sua vida!

 

Rolar para o topo