Estudo 19 – Dia-a-dia Sem Preocupações

Estudo 19 (2021) – Dia-a-Dia Sem Preocupações
Série: O QUE JESUS ESPERA DOS SEUS SEGUIDORES
Semana de 18 a 24 de julho
(Clique aqui e faça o download do arquivo)

“Não se preocupem com a própria vida…” (Mateus 6.25)

As preocupações se tornaram muito comuns no nosso dia-a-dia. Ninguém está livre delas, as experimentamos todos os dias, uns mais outros menos. Como a palavra já indica, são pré-ocupações, ou seja, ocupar-se de algo que ainda não chegou, ou não está, ocupar-se de algo antes da hora. Essa atitude gera alguns desgastes. No físico: dores de estômago, de cabeça, de coluna, falta de apetite ou compulsão alimentar… Traz-nos stress, mau humor, irritabilidade, perda de sono… Mas em termos de resultados efetivos, não acrescenta em nada. Ainda assim, é bastante difícil nos desvencilharmos delas. Jesus trilhou os mesmos caminhos que os nossos. Também teve que lidar com problemas de saúde entre seus queridos, falta de dinheiro, fome, injustiça… Ainda assim nunca fez uso da preocupação. Por isso, Ele tem como nos ensinar a nos livrarmos dela!

Para viver um dia-a-dia sem preocupações…

1. Compreenda que elas NÃO ACRESCENTAM NADA (Mateus 6.27). A preocupação é de fato inútil. Ela não instrumentaliza nenhum beneficio, nem ao menos nos ajuda a planejar melhor, ou realizar algo com mais eficácia, nem tampouco oferece alguma sabedoria a mais. Essa é uma reflexão que precisamos fazer: por que insisto em um comportamento (a preocupação) que apenas prejudica? É sensato deixarmos para traz algo prejudicial, como a preocupação. Podemos transformá-la em ações realmente eficazes, como, por exemplo, a oração. A oração de fato move os céus, a preocupação não!

2. Faça o que LHE CABE FAZER (Mateus 6.26). O convite para observar as aves do céu não indica uma posição de comodismo. Perceba que as aves não estão paradas, apenas enfeitando seus locais de pouso e ninho, mas elas buscam o alimento, constroem sua habitação, cuidam de seus filhotes, vivem o seu dia com o que se apresenta nele, trabalhando com as ferramentas que Deus lhes deu. Elas fazem isso a cada amanhecer, inclusive sem estocar alimentos para muito tempo. Elas vivem assim, pois no dia seguinte Deus continuará sendo Deus e o sustento será encontrado. Desse mesmo modo, nós também vamos trabalhar hoje o que há hoje, com as ferramentas que temos hoje, apenas confiando que amanhã Deus continuará sendo Deus, e continuará provendo. Em algumas circunstâncias ficamos paralisados por acreditar que não há o que fazer se não tivermos esse ou aquele recurso, ou se essa ou aquela situação não estiver presente. No entanto, se continuarmos lutando, dando um passo de cada vez, utilizando os recursos que estão em nossas mãos agora, poderemos chegar ao “lá adiante”, pela perseverança, ao passo que, se não usarmos o que há disponível agora, até isso perderemos. Assim, ao invés de consumir-se em preocupação, olhe em volta para o que você tem em sua mão agora e prossiga. Um passo de cada vez. E amanhã Deus será Deus.

3. ENTREGUE-SE a Deus (Mateus 6.33). Quando buscamos o Reino em primeiro lugar, ele trabalha por nós e supre todas as nossas necessidades. Jhon Piper acrescenta: “quanto mais importante seu Reino for para nossa vida, menos preocupações teremos”. Após entregar nossa vida para Jesus, nos tornamos parte de uma família, e nesse contexto somos cuidados. Sempre ouvimos dizer que, quando o Pai promete que supre nossas necessidades Ele está falando do que precisamos, e não do que queremos. Essa é uma verdade! Mas, nessa família especial, debaixo do cuidado de Deus, temos alguém que se preocupa por nós. Esse alguém busca trazer para cada um de seus filhos o que lhe é necessário, e esse filho pode manter-se em paz, sabendo que alguém olha por ele. Buscar o Reino significa dar muita importância a Deus, permitir que Ele tenha todo o espaço em nossa vida, que a nossa vontade se submeta à Dele, e enquanto fazemos isso, Ele se ocupa em cuidar, detalhadamente, de cada um de nós.

• Para reflexão: Em sua opinião, como podemos vencer as preocupações do dia-a-dia? Você concorda com a afirmação que diz que a preocupação é inútil? Por quê?

• Para oração: Oremos para que a preocupação na sua vida dê lugar a certeza que o Pai está cuidando de você.

• Para aplicação: Creia que Deus será o mesmo amanhã. Descanse seu coração em Deus. Amanhã haverá graça para os problemas de amanhã.

• Para indicação: Leitura do livro “O QUE JESUS ESPERA DE SEUS SEGUIDORES”, de John Piper, Ed. Vida.

Rolar para o topo