Estudo 26 – Colossenses

Estudo 26 (2021) – COLOSSENSES
Série: LIBERDADE EM MEIO ÀS PRISÕES
Semana de 03 a 09 de outubro
(Clique aqui e faça o download do arquivo)

“Portanto, assim como vocês receberam a Cristo Jesus, o Senhor, continuem a viver nele, enraizados e edificados nele, firmados na fé, como foram ensinados, transbordando de gratidão.” (Colossenses 2.6-7)

O apóstolo Paulo, enquanto preso, escreve essa carta para um grupo de cristãos que moravam em Colossos, para ser resposta às heresias e falsas doutrinas que se propagavam no sentido de anular a divindade e centralidade de Cristo na ação salvadora de Deus. O mais interessante é que Paulo não apenas encoraja que os leitores de sua carta que recebam o conhecimento e a compreensão da verdade, mas, sobretudo, que sejam equipados e empoderados para aplicar os dons recebidos por Deus. Atualmente, dois mil anos depois, ainda lidamos com os mesmos desafios e investidas enganosas, mas as palavras de Paulo mantêm-se vivas e pertinentes. Se não há mais nada que seja capaz de nos arrancar das mãos de Deus, o plano diabólico está condicionado a nos fazer deixar de alcançar a maturidade espiritual, nos roubando a possibilidade de desfrutar da plenitude de Cristo. A mente e o coração certamente são os principais alvos deste ataque. Pode ser através de uma dúvida plantada, ou quem sabe, uma frustração e tristeza, ou ainda algo que possa servir de brecha para fazer com que os objetivos do inimigo ganhem espaço dentro de nós. No entanto, Paulo argumenta que, uma vez que nos encontramos em nova condição de vida, devemos também ter uma nova perspectiva, acompanhadas de mudanças e aperfeiçoamento permanentes, não estando mais de acordo com o padrão do mundo. Vejamos, a seguir, três ensinamentos de Paulo a fim de blindarmos nossa mente e coração dos ataques das trevas:

1. Relembre a sua identidade VERDADEIRA (Colossenses 3.1). Somos nova criatura e temos nova natureza em Cristo. Devemos, portanto, ajustar nosso foco em nossa nova condição. Em Cristo somos perdoados e libertos da escravidão do pecado e da velha vida. Na prática, significa que a imoralidade sexual, impureza, paixão lasciva, desejos malignos, avareza, ira, indignação, maldade, maledicência, linguagem obscena e mentira não combinam mais com nossa nova realidade. Por isso, quanto mais buscarmos conhecer a Cristo, mais parecidos com Ele seremos.

2. Viva DE ACORDO com sua nova identidade (Colossenses 3.12-14). Em tempos de tanta confusão e polarização no mundo, sejamos o povo da reconciliação, da esperança e das boas notícias. Sejamos promotores de amor, paz e vida onde estivermos! Essa é uma boa oportunidade de reavaliar atitudes, companhias, hábitos e lugares, de modo que a nossa vida realmente honre e promova o santo nome de Cristo 24×7.

3. Persevere na ORAÇÃO e seja AGRADECIDO (Colossenses 4.2). Sem dúvida esta é a combinação perfeita para não cairmos em ciladas e mantermos o nosso tanque cheio: oração e gratidão! Muitas vezes a tendência da carne será se indignar, denegrir e ofender, pessoas e circunstâncias. No entanto, nossa melhor decisão é orar. Orar é falar com Quem pode resolver todas as coisas. Sem dúvida, a oração nos manterá alertas e com o nosso coração sensível aos propósitos de Deus. Aliado a uma vida de oração, um coração grato sempre buscará enxergar as situações com os olhos misericordiosos e graciosos do Senhor.

CONCLUSÃO: (Ler Colossenses 3.17) Que tudo o que fizermos, seja em palavra ou em ação, engrandeça o nosso Senhor Jesus Cristo e o Seu Reino, pelo qual somos embaixadores. Que o Senhor nos livre de entrarmos em batalhas que Ele não nos chamou para lutar. Que a nossa vida seja um convite para outros também ansiarem viver e conhecer mais de Deus. Que o Senhor afaste de nós os lobos, saqueadores, plantadores de divisão e contendas.

• Para reflexão: Todos os dias seremos tentados a fraquejar e provaremos a nossa fé. Você consegue se lembrar de alguma situação na qual discerniu que havia uma batalha sendo travada e com sabedoria conseguiu combater e vencer?

• Para oração: Ore para que Cristo blinde nossa mente e coração e que nada nem ninguém tire de nós a alegria de pertencermos a Ele e dedicarmos a nossa vida em prol da expansão do Seu Reino.

• Para aplicação: Nesta semana, separe um tempo para reavaliar sua vida, rotina, seus hábitos e amizades. Veja se há alguma oportunidade de mudança ou melhoria na sua vida.

• Para indicação: Que tal conhecer um pouco mais sobre Jesus Cristo e se tornar mais íntimo dele? ESTUDE ESSA SEMANA TODA EPÍSTOLA DE COLOSSENSES.

Rolar para o topo